Ana Paula Rodrigues Alves

Má gestão do escritório de advocacia pode acarretar na perda de clientes

Quanto custa para seu escritório perder um cliente? Pode custar não só déficit financeiro, mas também a perda da boa imagem corporativa.

Negligências no gerenciamento do escritório são resultantes da ausência de planejamento estratégico eficiente e pode acarretar na perda de clientes.

Manter uma estratégia sólida que garanta satisfação e fidelização dos clientes, uma equipe forte e, ao mesmo tempo possibilite competitividade no mercado, requer planejamento e profissionalização da gestão.

O gestor pode utilizar diversas ferramentas na gestão para posicionar-se no mercado de jurídico ganhando competitividade e aumento da carteira de clientes.

Entretanto, um erro bastante comum entre os gestores é focar na prospecção de novos clientes para seu negócio e esquecer os atuais.

A prospecção de clientes é fundamental para manutenção da competitividade e sobrevivência dentro do mercado jurídico, mas negligenciar os atuais não é um bom negócio.

O cliente que não vê suas necessidades atendidas tende a disseminar uma opinião negativa de sua empresa e o impacto pode ser ainda maior com acesso das redes sociais.

Por outro lado, clientes satisfeitos além de se tornarem fieis são bons divulgadores e indicadores de sua empresa, sendo uma ótima estratégia de marketing.

O fator mais relevante para a fidelização dos clientes é a qualidade do atendimento e está relacionado ao preparo e treinamento da equipe, acessibilidade de informações ao processo e cumprimentos de prazos.

O gestor que prioriza os esforços de melhoria da gestão, acompanha as inovações do setor para modernizar a rotina profissional e planeja estratégias para fidelizar clientes e prospectar novos, conquista um diferencial frente à concorrência.


Ana Paula Rodrigues Alves

Consultora em gestão para escritórios de advocacia e departamentos jurídicos